Mototaxista é baleado após pegar corrida com alvo de atiradores na Compensa, em Manaus

Cliente foi executado enquanto estava na garupa, na noite desta segunda (2).

Manaus – Um mototaxista de 40 anos foi baleado, na noite desta segunda-feira (2), após pegar corrida com um homem, que era alvo de atiradores, no bairro Compensa, em Manaus. O cliente, de 23 anos, foi executado enquanto estava na garupa do veículo.

O crime aconteceu na Rua T6, na Compensa 2, Zona Oeste da capital. Segundo informações da 8ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), o alvo dos criminosos estava com uma das pernas quebrada e usava muletas.

Ele iniciou corrida com o mototaxista na Rua Santa Rita e tinha como destino a Vila Marinho, bairro que também fica na região da Zona Oeste. No meio do caminho, conforme a polícia, dois homens em uma moto efetuaram disparos contra as vítimas.

Os tiros, segundo a polícia, foram na região da cabeça e das costas do cliente. O mototaxista foi atingido com um tiro na nuca.

De acordo com investigadores da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), o homem morreu no local. Já o mototaxista foi levado com vida para o SPA Joventina Dias, que fica nas proximidades do local.

O Instituto Médico Legal (IML) fez a remoção do corpo e a DEHS deve investigar o caso. Até o momento não se sabe o que motivou o crime e nenhum dos suspeitos foi preso. Não há informações sobre o estado de saúde do mototáxi.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Também

Monitoramento da violência: Redução de mortes violentas no Amazonas superou a média nacional em 2023

POLÍCIA – Os dados divulgados pelo Monitor da Violência (G1), nesta terça-feira (12/03), mostram que a redução das mortes violentas registrada no Amazonas foi maior que a média nacional, em 2023. Conforme o levantamento, os assassinatos caíram no Brasil 4%, enquanto no Estado, a diminuição chegou a 6%. Os dados ressaltam, ainda, que as Forças […]

Powered by Mixplano Digital  © 2020 Impacto Amazonas