Bolsa encosta em 100 mil pontos e fecha no maior nível em quatro meses

Bolsa encosta em 100 mil pontos e fecha no maior nível em quatro meses

A bolsa de valores aproximou-se dos 100 mil pontos e encerrou esta quarta-feira (8) no maior nível em quatro meses. O índice Ibovespa, da B3 (a bolsa de valores brasileira), subiu 2,05% e fechou o dia aos 99.770 pontos.

O indicador alcançou o nível mais alto desde 6 de março, cinco dias antes de a Organização Mundial da Saúde decretar a pandemia de covid-19, quando tinha fechado aos 102 mil pontos. O Ibovespa seguiu a bolsa norte-americana. O índice Dow Jones, da bolsa de Nova York, encerrou esta quarta com alta de 0,68%.

No mercado de câmbio, houve forte volatilidade. O dólar comercial operou em baixa durante quase toda a sessão. Na mínima do dia, por volta das 10h30, chegou a ser vendido a R$ 5,32. No início da tarde, por volta das 12h30, foi para R$ 5,38, mas caiu durante o restante da tarde, até fechar em R$ 5,347, com recuo de R$ 0,038 (-0,71%).

No Brasil, os investidores repercutiram o crescimento de 13,9% nas vendas do varejo em maio, com estabilidade em relação a maio do ano passado. O mercado também refletiu o crescimento da produção industrial no mês passado em 12 de 15 locais pesquisados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

No exterior, o dólar passou a perder força no mercado internacional após diretores do Federal Reserve, Banco Central norte-americano, advertirem para o risco de que a maior economia do planeta está estagnada e que os recentes ganhos nos indicadores econômicos são apenas temporários. A divisa caiu cerca de 6% em relação às principais moedas estrangeiras nas últimas duas semanas.

Há várias semanas, mercados financeiros em todo o planeta atravessam um período de nervosismo por causa da recessão global provocada pelo agravamento da pandemia do novo coronavírus. Nos últimos dias, os investimentos têm oscilado entre possíveis ganhos com o relaxamento de restrições em vários países da Europa e em regiões dos Estados Unidos e contratempos no combate à doença.

Da Agência Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Também

Em Parintins, Governo do Amazonas impulsiona setor primário beneficiando 530 produtores rurais

AMAZONAS – Para impulsionar o setor primário de Parintins (distante 369 quilômetros de Manaus), o Governo do Amazonas realizou na sexta-feira (22/03), a entrega de 1,8 mil mudas de café e citros; aproximadamente, cinco toneladas de alimentos adquiridos pelo Programa de Aquisição de Alimentos (PAA); 100 kits do atualiza pescador; 107 cartões do produtor rural […]

Prefeitura de Manaus entrega mais de R$ 150 mil da campanha Nota Premiada e anuncia novidades

MANAUS – A Prefeitura de Manaus vai incrementar, em 100%, no próximo ano, o valor dos prêmios destinados às entidades assistenciais beneficiadas na campanha Nota Premiada, equiparando aos valores recebidos pelos ganhadores. A campanha de educação fiscal do município tem como objetivo incentivar o contribuinte a exigir a sua Nota Fiscal de Serviço Eletrônica (NFS-e) […]

Powered by Mixplano Digital  © 2020 Impacto Amazonas