Inaugura no Amazonas Shopping o primeiro SPA urbano da região Norte, localizado em um centro de compras

MANAUS – Inaugura no Amazonas Shopping, na próxima terça-feira (23), o Uaná SPA, primeiro empreendimento da região Norte, nesse segmento, instalado em um centro de compras. A nova operação traz para Manaus um conceito diferenciado, que reúne tratamentos terapêuticos e de estética avançada, tudo realizado por profissionais com grande experiência no mercado.

Além do SPA, o Amazonas Shopping, que completa em novembro 30 anos de operação, inaugurou mais sete lojas nesses últimos meses. São elas: L’Occitane, O Boticário, Flora Pura, Mercadão dos Óculos, New Era, Magnolia Papelaria e Nuts.

O gerente de Marketing do Amazonas Shopping, André Santi, ressalta que a inovação e a busca por oferecer serviços e produtos que agreguem ao dia a dia das pessoas faz parte da história do centro de compras. “Estamos atentos às demandas do mercado e, mesmo diante dos desafios impostos pela pandemia, o Amazonas Shopping está ampliando seu mix de lojas”, afirmou.

O Uaná SPA, que na língua indígena significa vagalume, possui uma área de mais 100 metros quadrados, localizada no subsolo do Amazonas Shopping. O espaço, que tem assinatura da arquiteta Amanda Sá, é inspirado na temática amazônica, com decoração que remete ao ambiente tranquilo da floresta e estimula os sentidos humanos da visão, olfato, audição e toque.

O objetivo, segundo a diretora do SPA, a médica Helen Brandão, é proporcionar aos clientes momentos de relaxamento e prazer, mesmo estando em uma área urbana. “Queremos que as pessoas possam aproveitar o intervalo do trabalho, por exemplo, e ter um momento de completo relaxamento antes de retornar para a sua rotina corrida”, destacou.

Entre os cuidados oferecidos estão massagens relaxantes e terapêuticas, reflexologia, escalda-pés, banhos com óleos e serviços de estética corporal e facial com equipamentos de última geração. “No SPA trabalhamos com técnicas que proporcionam resultados para uma vida harmoniosa, saudável e com equilíbrio emocional”, explicou.

De acordo com Helen Brandão, a escolha de levar esse tipo de serviço para dentro do shopping se deu porque cada vez mais as pessoas procuram por comodidade e conveniência. “Os centros de compras deixaram de ser locais apenas para adquirir produtos para se tornarem um espaço de convivência”, frisou.

***Com informações de assessoria

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Também

Em Parintins, Governo do Amazonas impulsiona setor primário beneficiando 530 produtores rurais

AMAZONAS – Para impulsionar o setor primário de Parintins (distante 369 quilômetros de Manaus), o Governo do Amazonas realizou na sexta-feira (22/03), a entrega de 1,8 mil mudas de café e citros; aproximadamente, cinco toneladas de alimentos adquiridos pelo Programa de Aquisição de Alimentos (PAA); 100 kits do atualiza pescador; 107 cartões do produtor rural […]

Powered by Mixplano Digital  © 2020 Impacto Amazonas